COM MARIA, A SENHORA DO DESTERRO, UNIDOS PARA SUPERAR O EXÍLIO

A edição desta novena da Padroeira 2021 é um convite para que cada devoto que recorre a Virgem do Desterro, possa unir a dor de seu exílio às mãos de Jesus. Contando com a intercessão de Nossa Senhora, somos chamados a renovar a alegria em Deus, que caminha conosco “neste vale de lágrimas”.

Escolhidos pelo Pai misericordioso, através de Jesus Cristo, no Espírito Santo, nós, como comunidade dos batizados que se prepara paras as assembleias paroquiais, regionais e diocesana, queremos nos comprometer com o chamado que o mestre nos faz, para que deixemos tudo, assumamos a nossa cruz, e assim possamos segui-lo (cf. Mc 8,34).

Neste caminho, como povo da aliança, podemos nos permitir revestir da Palavra de Deus, e nutrir-nos da Eucaristia, que é a fonte e o ápice da nossa vida e existência. A Virgem é o protótipo de quem decide renunciar à própria e vida e revestir-se da vida de Seu Filho, que por Maria e São José, foi salvo das garras de Herodes, quando exilados no Egito.

Vivemos ainda no contexto doloroso da pandemia da COVID-19. Eis o exílio do povo brasileiro. Eis o exílio dos “degredados filhos de Eva”, presentes nos onze munícipios que compõem a nossa Igreja Particular.

Diante disso, a novena e festa de Nossa Santa Padroeira, quer dar a cada devoto que acorre à nossa Catedral, a certeza de que sob a proteção da Senhora do Desterro, unidos num só coração e numa só alma (cf. At 4,32) poderemos superar os nossos exílios, e atualmente, o exílio que o novo coronavírus nos impôs: estar presente fisicamente com os que amamos.

Para esta novena, em comunhão com os membros do Conselho Paroquial da Ação Evangelizadora – CPAE, decidimos convidar para presidir as eucaristias de cada noite, os padres que foram ordenados entre os anos de 2019-2021. Acreditamos que o ardor missionário presente no coração de cada presbítero muito contribuirá para que possamos superar os nossos exílios.

Para cada noite da novena, convidamos os padres, as 66 paróquias da Diocese de Jundiaí serão representadas por apenas um leigo(a), que será enviado por seu respectivo pároco e/ou administrador paroquial. Isso se dá por causa da pandemia da COVID-19.

Esta novena e festa, como já mencionamos anteriormente, é celebrada no Espírito de Jesus, que nos impulsiona a viver a expectativa da 7ª Assembleia Diocesana de Pastoral que se aproxima. Eis o motivo pelo qual faço questão de dar continuidade ao desejo do coração de um dos meus predecessores: o saudoso Dom Joaquim Justino Carreira, que sempre fez questão de convidar os fiéis que atuam nas paróquias da Diocese de Jundiaí, para sinalizar fraternidade e comunhão com a Igreja Diocesana.

Inspirado também pelo subsídio da Novena da Padroeira do Brasil, vamos a cada noite refletir sobre um tema que fará alusão às Sagradas Escrituras, isto é, de como Deus fez aliança com o seu povo no Antigo Testamento, e de que forma essa aliança se concretizou em Jesus Cristo. 

Guiados por Jesus, e certos de que Nossa Senhora intercede por nós, somos convidados a nos preparar desde já para participarmos dos festejos da Senhora do Desterro. Desejo, de coração, que estas celebrações não sejam um “evento”, mas uma oportunidade para que façamos a experiência de encontro com aquele que foi exilado, mas que venceu as duras penas do exílio.  

A nossa gratidão a Dom Vicente Costa, Bispo da Diocese de Jundiaí, que nos anima, e nos encoraja para que sejamos discípulos apaixonados e missionários fervorosos, que não perdem a esperança diante dos exílios da vida presente.

Gratidão aos devotos da Senhora do Desterro. Nós da Catedral, asseguramos a cada devoto as nossas orações diárias.

Que possamos fixar os nossos olhos na belíssima Imagem presente no altar central de nossa Catedral, quando podemos contemplar Maria e José, que voltando do exílio nos apresenta Àquele que pode nos permitir superar o nosso desterro: Jesus Cristo!

 No Espírito de Jesus,

Pe. Márcio Felipe de Souza Alves

Cura da Catedral N. Sra. do Desterro

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

brasao-pb

© 2019 Catedral Nossa Senhora do Desterro – Jundiaí – SP
Desenvolvido por LAB Brasil Comunicação